Quarta-feira, 24 de Junho de 2009

Mais um sector em crise

 

Produção mundial de cocaína é a menor em cinco anos.
tags:
publicado por Conde da Buraca às 17:14
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sábado, 11 de Abril de 2009

Emoções Fortes

 

Só um motivo muito forte me levaria a interromper o retiro a que as condicionantes do dia a dia obrigam. Estou lavado em lágrimas, Nico Gimenez acaba de bater o recorde mundial da maior fatia de presunto do mundo. Treze metros e cinquenta, snif ...

 

tags:
publicado por Conde da Buraca às 23:51
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 18 de Fevereiro de 2009

O Debate está lançado

 

Belmiro de Azevedo rebate o meu post anterior afirmando que Portugal atravessa uma crise de líderes.

 

publicado por Conde da Buraca às 14:57
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 17 de Fevereiro de 2009

A Hora da Tropa de Elite Lusitana

 

A crise isto, a crise aquilo e a crise acolá... ninguém gosta da crise a ponto de ter alcançado a façanha de superar a ASAE no top dos ódios de estimação dos portugueses. Livros são lançados que nos ensinam a combater a crise mas apenas os seus autores parecem beneficiar dessas publicações. O ataque é de tal forma cerrado que confesso, por momentos, ter a tentação de criar uma associação de simpatizantes para com esta criatura que a tudo resiste, fortalecendo-se a cada dia que passa. Dadas as circunstâncias do nosso rectângulo (desemprego em catapulta e perspectivas de futuro muito cinzentas), tenho a dizer-te, valente crise, que não posso gostar de ti. Digo mais, os teus dias neste País estão contados, Portugal, como Democracia que é, disponibiliza a cada um dos seus cidadãos uma arma letal que pode ser accionada de quatro em quatro anos. Falo do voto, através dele os portugueses podem escolher os mais preparados, capazes, audazes, íntegros,  a creme de la creme da sociedade que se sacrifica em prol da nossa Nação quase milenar. Nem sempre foi assim, é verdade, por vezes o leque de opções foi de qualidade duvidosa mas também é verdade que os desafios de então não exigiam uma tropa de elite como tu agora impões. As eleições só não são antecipadas porque os portugueses precisam de algum tempo para ponderar sobre qual ou quais dos Generais Silveiras do Séc XXI (todos eles muito bons) a enviar para a frente de combate. Escuta estes nomes: “SÓCRATES, FERREIRA LEITE, PORTAS, JERÓNIMO E LOUÇÔ. Dá Medo, não dá?

 

publicado por Conde da Buraca às 01:03
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 13 de Agosto de 2008

A resposta que o mundo esperava

Tudo fora programado para que durante os dezasseis dias dos Jogos Olímpicos o céu de Pequim se vestisse de azul mas, contra todas as expectativas, na manhã seguinte à noite da cerimónia de abertura, o cinzento continuava a ser a cor dominante. O que teria falhado? Para que serviram os milhões e milhões de dólares investidos em programas ambientais? O inquérito impunha-se e após quatro dias de intensas investigações, eis que, no local mais insuspeito, foi finalmente encontrada a fonte da poluição. Meus amigos vejam isto.

 

tags: ,
publicado por Conde da Buraca às 01:48
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 6 de Agosto de 2008

As Crianças são o Futuro

 

Exmo. Sr. Presidente da República de Portugal,
 
Compartilho a sua dor e incompreensão pelo facto de nasceram tão poucas crianças em Portugal. Quero que saiba que, no meu caso pessoal, sou pai de dois filhos e que continuo a manter o entusiasmo de sempre por trazer novas vidas ao mundo. Eu e a minha companheira, ansiamos pelo dia do nascimento do nosso quinto filho para poder usufruir das generosas deduções fiscais atribuídas aos casais nessa condição (menos 1% a 3% quando comparadas com os casais com apenas um filho). Apesar de as deduções estagnarem a partir do quinto filho, não ficaremos por aí. A nossa meta é a dezena, devemos isso a Portugal. Infelizmente o sentimento patriótico é algo que cada vez mais escasseia na nossa sociedade e temo que o seu quase desesperado apelo não surtirá efeito se não forem introduzidas medidas suplementares. Proponho humildemente que apenas sejam concedidas benefícios  fiscais a casais com dez ou mais filhos (no caso de gémeos só contaria como um filho). É um estímulo dispendioso para Portugal mas necessário, estou certo que serão poucos os casais portugueses a resistir.
 
Grato pela atenção,
publicado por Conde da Buraca às 03:18
link do post | comentar | favorito
|

Sintomas Pós-Poluição

Rezava hoje um dos telejornais da noite que viver na Pequim poluída dos nossos dias corresponde a fumar uma média diária de aproximadamente 70 cigarros. A ser verdade, isto quer dizer que quando deixei de comprar o maço do dia apenas reduzi ligeiramente o consumo e explica o porquê de não ter sentido melhorias físicas significativas. Concluo também que afinal apenas deixei o vício à coisa de três meses e que essa é a razão dos quase incontroláveis impulsos que ultimamente tenho sentido perante a visão do belo do cigarrito. Talvez a solução passe por instalar em casa uma máquina de fazer fumo.

 

tags: ,
publicado por Conde da Buraca às 01:41
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 18 de Junho de 2008

Assim é impossível …

 

E explica o porquê do desemprego em Portugal. Esta malta não deixa nada para os que realmente necessitam de trabalhar.

 

publicado por Conde da Buraca às 00:17
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 10 de Dezembro de 2007

À Atenção das Produções Fictícias

 

Apesar de aqui já ter manifestado o meu repúdio para com a censura estalinista do ruinix  também reconheço que sou confesso admirador da sua apetência para as artes. Destaco esta pérola pois nela a comédia é dominada como só os predestinados o conseguem fazer (não perder os comentários, também eles muito bons). Um verdadeiro talento. Mais uma vez obrigado.
tags: ,
publicado por Conde da Buraca às 03:39
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
|
Domingo, 11 de Novembro de 2007

80 Sintomas de que está na hora de abalar da China

Preciosidade descoberta no Deserto de Gobi, eu cá já sofro de alguns:


1. You’re at an expensive western restaurant and don’t even notice the guy at the next table yelling into his cell phone

2. You enjoy karaoke

3. You walk backwards in the park listening to a transistor radio

4. The China Daily is your source for hard hitting, fast breaking, investigative journalism

5. You smoke in crowded elevators.

6. All white people look the same to you

7. You like the smell of the bus.

8. You find state-employed retail staff helpful, knowledgeable and friendly

9. You no longer need tissues to blow your nose

10. You find western toilets uncomfortable

11. You throw your used toilet paper in the basket (as a courtesy to the next person)

12. You think that the heavy air actually contains valuable nutrients that you need to stay healthy

13. You think a 30 year old woman who carries a Hello Kitty lunch box is cute

14. A sexual pervert is a man who prefers women to money.

15. It’s OK to throw rubbish, including old fridges, from your 18th-floor window

tags: ,
publicado por Conde da Buraca às 04:20
link do post | comentar | favorito
|
Segunda-feira, 5 de Novembro de 2007

O Vídeo do Momento

Ricky Gervais em mais um momento de pura genialidade, desta ironizando com aqueles que usam a miséria do terceiro mundo para se auto-promoveram. Não é o caso de Bono que não precisa de qualquer promoção e que até dá uma perninha no video.


tags:
publicado por Conde da Buraca às 14:57
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Sexta-feira, 5 de Outubro de 2007

Invenção do ano

Boas notícias para as famílias com filhos viciados numa das mais dispendiosas dependências que o mundo já conheceu e más notícias para as lojas de electrodomésticos. Meus amigos, vejam isto.  

tags:
publicado por Conde da Buraca às 08:10
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 11 de Setembro de 2007

O Regresso #23 – A Saga Continua

É verdade, mais um regresso. Admito que este estilo de blogagem, baseado em ausências prolongadas (bungalows sem net, que chatice...) e regressos opostamente curtos, não é o mais expectável de um blog que se quer popular. Isso preocupa-me imenso pelo que pondero seriamente introduzir algumas alterações ao referido estilo.

 

Uma das opções poderá ser limitar os períodos de regresso a um único post (aquele em que é anunciado o regresso), acabando-se desta forma com o sofrimento dos leitores que vivem na incerteza quanto ao momento em que me ausentarei novamente. Poderá ser só por cinco minutos para comer uma peça de fruta ou por 6 horas para fazer amor (é pouco, eu sei mas os 20 anos já lá foram), o importante é que os leitores saberão que regressei mas já estou ausente.

 

Outra forte possibilidade é apostar num ambiente mais íntimo e pessoal, dando a conhecer o interior que há em mim, este tipo de coisas sempre foram boas para as  audiências. Para avaliar a receptividade para com este novo tipo de linha editorial, nada melhor que, desde já, compartilhar a imagem do post, obtida através de uma colonoscopia e onde se pode observar o interior profundo dos meus intestinos. Na verdade, não sou o detentor do equipamento em destaque mas, dada a condição de ser também um ser humano  e não um programa informático, poderão ficar com uma ideia.

 

Decisões, decisões,  não há,  no fundo, no fundo, o que quero é descortinar uma forma de encerrar o texto. Preciso de me ausentar...   

publicado por Conde da Buraca às 15:05
link do post | comentar | favorito
|
Quarta-feira, 25 de Julho de 2007

Saudades de Casa

A distância da Pátria e os afazeres do dia à dia fazem com que não acompanhe com a frequência desejada a actualidade nacional. Hoje, recordei-me do caso  Casa Pia, estou certo que se lembram, já foi há algum tempo mas a polémica que então gerou foi de tal ordem (até o Carlos Cruz foi metido ao barulho) que, provavelmente, ainda  permanece na memória da maioria dos portugueses. Será que alguém me poderá informar do desfecho final?

publicado por Conde da Buraca às 11:37
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
|
Sábado, 30 de Junho de 2007

...

 

Via Arrastão

publicado por Conde da Buraca às 07:28
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Segunda-feira, 28 de Maio de 2007

A arte como fuga

Fez ontem uma semana que estive para mudar a decoração do tasco mas, por um motivo qualquer que agora não me recordo, tal ensejo não foi possível.  Hoje parece-me um bom dia, espero que apreciem o efeito produzido  pela combinação  cíclica e sequencial de duas cores contrastantes, neste caso o verde e o branco, ali nas laterais. Um pouco de arte (ainda que temporariamente, o layout original regressará em breve) para desenjoar de futilidades como o futebol com que somos inundados todos os dias.

publicado por Conde da Buraca às 14:32
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
Terça-feira, 22 de Maio de 2007

A verdade a que não se pode fugir

Ahmed, nascido e criado no norte de África sempre evitara deixar-se influenciar pelas crenças religiosas dominantes no seu país, queria conhecer o mundo  e decidir por si próprio, sem pressões, o rumo da sua consciência. Um dia, chegara finalmente a oportunidade que tanto desejara, um curso numa universidade europeia, partiu sem olhar para trás. Os dias corriam e o deslumbramento pela nova cidade não parava de aumentar até que, três meses depois, quis o destino que, enquanto vagueava pela rua e espreitava as montras,  os seus olhos se cruzassem com o livro sagrado, o Corão. Este, assim que sente o olhar, eleva-se e voa na sua direcção, Ahmed reúne todas as suas forças e lança-se numa fuga desesperada e já condenada. Encurralado numa travessa sem saída, aguarda derrotado pelo inevitável, o Corão abre-se diante dos seus olhos e dá-lhe a ler uma verdade absoluta: “Se lês estas palavras é porque o livro está aberto nesta página”. Já nada havia a fazer...

publicado por Conde da Buraca às 13:04
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|
Quarta-feira, 16 de Maio de 2007

Parece que a Virgem também lá esteve

Como não poderia deixar de ser, ainda que com alguns dia de atraso, é com enorme felicidade que o Peneirar também se junta às comemorações do 90º Aniversário do grande milagre que foi mover o sol de forma a que esse movimento apenas fosse observado na Cova da Iria e, mais grandioso ainda, mantendo-se a integridade do sistema solar.   

publicado por Conde da Buraca às 06:34
link do post | comentar | favorito
|
Terça-feira, 15 de Maio de 2007

1, 2, 3 contacto ...

Após um período de ausência, algo longo para os parâmetros normais de um blog, o Peneirar regressa à actividade. A causa deveu-se à frágil saúde deste velho portátil que, de um dia para o outro, deixou de funcionar. Temi o pior mas o diagnóstico, apesar de implicar a substituição do disco duro, estava longe das piores expectativas.  Fui adiando a intervenção, aproveitando a oportunidade para me forçar a um isolamento do mundo exterior e meditar sobre as coisas que realmente são importantes, não podendo deixar de compartilhar com vocês a pergunta que me inquieta. Não acham estranho que o Ruca , com já 4 anos de idade, ainda não tenha um único cabelo a despontar?

tags:
publicado por Conde da Buraca às 14:41
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
|
Sábado, 7 de Abril de 2007

A Arte de Carregar no Botão

Para os mais cépticos relativamente aos porquês do crescimento económico chinês queria  aqui deixar um exemplo por si só demonstrativo do elevado grau de especialização / formação que a mão de obra deste país atingiu. Tratam-se das milhares de pessoas que todos os dias se dedicam a essa complexa arte que é carregar no botão e as suas diferentes ramificações. Uma das que inicialmente mais desperta estranheza a um ocidental, são as meninas dos elevadores, espaço de trabalho, onde com uma desenvoltura notável carregam no botão correspondente ao andar que desejamos deslocar-nos. Aconselho vivamente a leitura deste  post no China em Reportagem, onde a sua autora nos dá a conhecer, em mais pormenor, um dia destas trabalhadoras especializadas. Depois vamos encontrando outros exemplos, como é o caso da menina do edifício onde passo todas as manhãs, a sua função é carregar num dos oito botões da máquina de café, cada um deles correspondente a um diferente tipo de bebida. Não revela a mesma agilidade da colega do exemplo anterior mas é preciso dizer que também acumula a função de receber o dinheiro, apesar de a máquina possibilitar a inserção de moedas. A conclusão natural de um recém-chegado é de que, por estes lados, a densidade de habitantes manetas é muito superior à média mundial. Mas não, a intenção é simplesmente explorar o conceito da especialização/produtividade até ao limite e, há que dizê-lo, com resultados extraordinários. O facto de a restante massa laboral já não necessitar de reservar células cinzentas para memorizar o modo de como se carrega em botões, possibilita que estas sejam utilizadas para o aperfeiçoamento da sua profissão. Poderá parecer que o impacto é reduzido mas o potencial ainda por explorar é enorme, imaginem a imensidão de equipamentos que exigem o premir do betão. Já se comenta a possibilidade de, brevemente, na compra de um aparelho de tv, estar também incluída a oferta de um profissional no domínio do comando. Claro que ainda há pormenores por afinar, sou da opinião que deveria ser criado o cargo de adjunto que, diariamente, na companhia do seu mestre, aprenderia os segredos da profissão e o substituiria nos dias de doença. Evitava-se assim nessas ocasiões, situações caricatas como pessoas que, deparadas com a ausência da operadora do elevador, optam por não sair de casa, faltando ao emprego, outros há que optam por descer/subir dezenas de andares pelas escadas ou ainda aqueles que tentam carregar nos botões com os dedos dos pés, correndo o risco de se lesionarem com gravidade. Pequenas falhas que, certamente, serão corrigidas. Como se vê, não é apenas com salários baixos que o ministro de economia de Portugal conseguirá atrair o investimento chinês, é também necessário investir fortemente na especialização/formação da mão de obra.

publicado por Conde da Buraca às 11:32
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|
clique no imagem para enviar e-mail peneirar@gmail.com


Clique aqui e aceda ao Peneirar pelo tapete vermelho

.pesquisar

 

.links

.posts recentes

. Mais um sector em crise

. Emoções Fortes

. O Debate está lançado

. A Hora da Tropa de Elite ...

. A resposta que o mundo es...

. As Crianças são o Futuro

. Sintomas Pós-Poluição

. Assim é impossível …

. À Atenção das Produções F...

. 80 Sintomas de que está n...

.arquivos

. Novembro 2015

. Fevereiro 2011

. Dezembro 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Novembro 2008

. Agosto 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds